Resgate 24 horas em todo território nacional. +55 44 9155-7195

A dependência química sob o olhar de profissionais da Psicologia.

Entenda a dependência química sob o olhar de profissionais da Psicologia, é recurso terapêutico importante que surte efeito no longo prazo, Confira !!!

O tratamento para pessoas que sofrem da dependência química é progressivo e as atitudes de mudanças não acontecem de uma hora para outra. São mudanças sutis e que vão acontecendo aos poucos, conforme for evoluindo o quadro do paciente, por isso se faz necessário o apoio psicológico da dependência química sob o olhar de profissionais da psicologia.

Quando se começam a realizar os tratamentos, normalmente os mesmos são feitos a base de recursos medicamentosos e terapias cognitivas comportamentais conjuntas com um psicoterapeuta. Deste modo, vale ressaltar que muitas pessoas que começam o tratamento em casa sob orientação médica, são aconselhadas a pelo menos praticarem esses dois procedimentos.

Entretanto, nem sempre é possível dar continuidade ao tratamento sem uma intervenção dentro de uma instituição. Em casos mais graves onde há recaídas frequentes na substância, é necessário que se recorra às clínicas de recuperação para dependentes químicos e alcoólatras, justamente para se distanciar da substância e da bebida.

Posto isso, seja dentro ou fora de uma instituição, a questão do tratamento comportamental é imprescindível, ainda mais quando se está apegado à uma substância que sacia algumas emoções ou sentimentos desconfortantes. Além do mais, o comportamento adictivo vinculado ao consumo de drogas é algo que tem que ser trabalhado desde o subconsciente.

Botar para fora as emoções e sensações com pessoas que vão interpretar da maneira correta

Diferente de um amigo, ou familiar que quando você se confessa, seja por muito tempo de convivência, é comum que haja conversas em que por naturalidade tenha esse julgamento e surjam situações desconfortáveis, e isso nem sempre é um bom sinal. Todavia, botar para fora as emoções e sensações com pessoas que vão interpretar da maneira correta é uma excelente opção.

Posto isso, a dependência química sob o olhar de profissionais da psicologia é a necessidade de tratar da parte do aspecto psicológico que instiga a pessoa a saciar o prazer na droga. 

Como a droga altera os mecanismos químicos de recompensa do cérebro, o que leva a pessoa a criar todo um conjunto de pensamentos para fomentar a prática do uso de narcótico, é estudado a trazido à tona de maneira interessante e reflexiva, fazendo com que o dependente aprenda com essa questão por si próprio.

O DSM (Manual Diagnóstico e Estatístico de Transtornos Mentais) considera que a dependência química é uma dos transtornos mentais com características biopsicossociais, com sintomas cognitivos, comportamentais e fisiológicos em várias peculiaridades.

Sendo assim, é importante botar para fora as emoções e sensações com pessoas que vão interpretar da maneira correta e que consigam ajudar o paciente a enxergar e avaliar questões importantes vinculadas ao comportamento presente dentro do contexto de dependência, especialmente quando se tratam de gatilhos.

Somente o dependente pode identificar seus próprios gatilhos e transformar essa situação, caso contrário ele continuará a se auto-enganar. Além do mais, cada indivíduo é único e está relacionado com a doença de uma maneira específica, então, guiá-lo para que se compreenda esses caminhos é importante.

Aprendendo a ser diferente um pouco por vez em cada sessão

A questão aqui é que toda mudança gera desconforto, por isso é válido ir aprendendo a ser diferente um pouco por vez em cada sessão. E identificar os problemas comportamentais aliados ao consumo de bebidas e drogas é importante. É um engatinhar de aprendizado onde o indivíduo vai gradativamente aprendendo a ser diferente um pouco por vez em cada sessão.

Ainda mais quando se chega à uma conclusão referente às ações e aos pensamentos, por isso a óptica da dependência química sob o olhar de profissionais da psicologia é extremamente rica. Sendo assim, trabalhar todo esse conjunto de técnicas que envolvem questões comportamentais é válido.

Como adicto em recuperação e também autor dos textos do Encontre Clínicas, demorei muito para poder chegar ao sucesso da recuperação, foram 10 anos de adicção e momentos em que eu perdia a esperança várias vezes. Mas o mais importante é que eu sempre tive o tratamento psicológico, que me ensinou a trazer a responsabilidade pra mim, a mostrar que o erro era meu, e não por a culpa nos outros.

É comum que nós dependentes químicos, pelo fato de termos um ego grande, escolhemos alguém para poder colocar as nossas frustrações e culpas. Sendo assim, nos tornamos vítimas do mundo e podemos justificar o nosso uso. E foi assim por mais de dez anos. 

“O tratamento psicológico é como ouvir a verdade em meio a um conjunto de problemas, ele dói. Se você não sustentar o que você fala, mais ainda vai querer usar, entretanto é fácil querer falar sem querer ouvir, mas a doença é assim! Você se torna um bebezão chorão, e acha que tá mandando! Quando na verdade, tá fazendo mal para você mesmo, e deixando os familiares e quem te ama, preocupados.”  Renan R. Ré

Entretanto, o fazer a análise comportamental é imprescindível para um crescimento na vida. Há uma libertação de várias correntes, entre elas a dependência química, literalmente em meio às turbulências e problemas que são postos à mesa na terapia, realmente é ir aprendendo a ser diferente um pouco por vez em cada sessão.

Recurso terapêutico que surte efeito no longo prazo

A dependência química sob o olhar de profissionais da psicologia deve ser trabalhada para entender questões do pensar, sentir e agir do indivíduo. Sendo assim, a parte cognitiva comportamental é trabalhada e é um recurso terapêutico que surte efeito no longo prazo. 

Posto isso, botar para fora as emoções e sensações com pessoas que vão interpretar da maneira correta e ir aprendendo a ser diferente um pouco por vez em cada sessão é importante para se tornar um adulto mentalmente saudável, e que enfrente as situações com responsabilidade e coragem.

Se tornar uma pessoa analítica de suas ações é importante também para aprender cada vez mais consigo mesmo, sendo assim, estar preparado para as intempéries da vida reforça ainda mais essa questão. Pense duas vezes na sua vida, foque em você e no seu tratamento.

Fale com nossos especialistas! Atendimento 24 horas. Obtenha ajuda sobre tratamento.

Descubra como nossos consultores podem ajudar você ou seu ente querido a selecionar um tratamento de reabilitação adequado. A avaliação por telefone exigirá apenas 5 a 10 minutos do seu tempo. Isso ajudará você a saber sua posição em termos de opções de reabilitação em sua área local. 

Compare listings

Comparar