Resgate 24 horas em todo território nacional. +55 44 9155-7195

Dicas para controlar a ansiedade durante o isolamento social.

Esta Pandemia vem causando uma serie de transtornos comportamentais veja aqui Dicas para controlar a ansiedade durante o isolamento social. Fale conosco!

O ano de 2020 foi um ano atípico para muita gente, com a pandemia do coronavírus atingindo níveis globais e medidas tomadas pelos países para conter a doença transformaram vidas de milhões de pessoas no globo, entretanto, existem dicas para controlar a ansiedade durante o isolamento social.

É comum na história da humanidade falarmos sobre tragédias, guerras, acidentes e pandemias. O papel das doenças é extremamente importante quando se trata do processo evolutivo da humanidade. Afinal de contas se não fossem nossos antepassados terem sobrevivido às doenças não teríamos nem a mesma carga genética e nem ao menos o conhecimento na área da saúde que temos atualmente.

Os relatos das doenças datam de milênios atrás. Antigamente a expectativa de vida era tão baixa, que ter 30 anos era o equivalente a 65 atualmente. As pessoas não conheciam as facilidades do mundo moderno e principalmente não tinham acesso a um preceito básico e fundamental, a higiene.

Em países mais quentes, próximos a linha do equador, as civilizações que viviam próximas aos rios tinham a facilidade de tomar banho quando bem entendiam. A higiene dos povos se limitava ao clima que os mesmos se encontravam. Os índios brasileiros, um dos povos mais limpos do mundo, eram os que menos tinham doenças, justamente por serem altamente higiênicos

Contudo, não é apenas a higiene que é importante no quesito saúde, mas mutações virais e resistências das bactérias perante à alguns organismos. Além disso, existiam doenças que antigamente não se tinham ao certo o conhecimento sobre e desta forma foram fatores decisivos para dizimar povos, cidades e civilizações inteiras.

Um exemplo de alguns séculos passados é a quantidade de pessoas que morreram devido à peste bubônica. Estar doente da peste, para época, era uma sentença de morte. Como as pessoas não tinham o conhecimento adequado, e principalmente higiene básica, os moradores dos vilarejos medievais conviviam numa literal imundice.

Não se tinha as noções básicas de higiene, não se tinha sabão para lavar as mãos, e as fezes juntamente com restos de alimentos eram jogados nas encostas ou nas calçadas em frente às residências. O que contribuia para que vilarejos, castelos e cidades se tornassem a segunda casa para ratos, e por meio destes, pulgas e por fim a doença que as pulgas transmitiam aos humanos.

A peste negra foi um marco para a área da higiene, e principalmente pela questão mais importante, separar os doentes das pessoas saudáveis. Nasce então um preceito básico sobre o isolamento social. E foi aí que nossos antepassados começaram a passar seus relatos para as próximas gerações.

Atualmente, depois do anúncio de uma doença que começou em dezembro de 2019 e que no ano de 2020 fez o mundo parar, aprendemos que o isolamento social nos ensina desde os milhares de anos datados por nossos antepassados, a conter drasticamente as doenças altamente transmissíveis.

Depois dessa história descrita acima, nós do Encontre Clínicas de Recuperação e Reabilitação acreditamos veementemente na importância das medidas de prevenção à saúde e conjuntamente no isolamento social. Entretanto, apesar da periculosidade das doenças serem as mesmas desde muitos milênios, o mundo mudou drasticamente.

Hoje não somos 1 ou 2 bilhões de pessoas. Estamos alcançando a marca de 8 bilhões de indivíduos e o mundo não suporta isso. Além do mais, a transmissão das doenças fica muito mais evidente quando se têm muitas pessoas em um ambiente só.

E apesar do isolamento ser importante, durante um longo período ele é desgastante podendo gerar ansiedade e comorbidades. Por isso que a equipe Encontre Clínicas nesta matéria, visa disponibilizar para você dicas para controlar a ansiedade durante o isolamento social.

Isolamento no início, perrengue ao final.

Quando o surto de coronavírus começou a ser algo preocupante em 2020, especialmente no mês de Fevereiro, quando a Itália começou a ser o foco da doença, as economias globais se viram diante de uma doença que eles não conheciam direito.

Contudo, para evitar o contágio, o isolamento social foi definitivamente importante para conter a disseminação do vírus e impedir com que as pessoas morressem devido aos hospitais altamente lotados por doentes de COVID-19. Quarentena, ou como o próprio nome diz, são quarenta dias em que se fica de resguardo para que não haja mais propagação da doença.

Mas nem isso foi o suficiente. Sendo assim, em 2020, a quarentena virou isolamento social e se prorrogou por meses. Gerando crises imensuráveis mundialmente. Quebrando e atrapalhando o desenvolvimento da economia global.

Entretanto, esse resguardo começou bem, mas se tornou um perrengue pra muita gente. A saúde mental de quem ficou dentro de casa por medidas de isolamento, ficou lentamente adoecida. Síndrome do pânico, TOC, TAG e dependência química aguda, foram reflexos da quarentena prorrogada.

Dicas e atitudes Importantes no isolamento

Porém, no ano de 2021 mesmo no início, até as vacinas não entrarem em circulação, o isolamento é a medida mais importante. Entretanto, ainda não se tem como fazê-lo de maneira a gerar bons resultados, e as pessoas ainda em resguardo e potencialmente ansiosas, desenvolvem mais comorbidades.

E justamente para evitar que todos os sintomas descritos acima apareçam, existem dicas para controlar a ansiedade durante o isolamento social e que contribuem para que você permaneça saudável dentro de casa, sendo elas.

  1. Alimente-se Bem

Ficar em casa, relaxar no sofá, ligar o netflix ou o telecine e ficar o dia inteiro vendo filmes e séries, não tem nada mais gostoso. Ainda mais se estiver acompanhado de pipoca, refrigerante, chocolate e sorvetes. Comer fast food é gostoso, é rápido e descartável. E até que não faz tão mal quando se come uma vez ou outra.

No entanto, fazer disso uma rotina é complicado. Traz prejuízos imensos ao organismo como ganho de peso, hipertensão, taquicardia e além do mais, pode elevar consideravelmente os triglicerídeos do corpo. Por isso, comer adequadamente e saudavelmente, aliado a outras atividades saudáveis, ajuda a fazer com que o isolamento social não seja tão desagradável.

  1. Cuidado com a TV

Tome cuidado com a televisão, especialmente nessa fase, ainda mais com as grandes emissoras. Existem programas de TV altamente sensacionalistas que perturbam mais a paz de quem está em casa já sofrendo com o isolamento. Então é necessário transformar essa questão com um simples gesto, ou desligando ou vendo programas produtivos.

  1. Procure fazer as Tarefas de Casa

Deitar no sofá, ou aproveitar pra dormir todos os dias até mais tarde, e apertar a tecla PREGUIÇA é complicado. Um dia, dois ou até mesmo uma semana é gostoso. Entretanto, mudar o ritmo circadiano e manter a preguiça nele é se tornar improdutivo e dificulta na hora de voltar à rotina normal.

Por isso, mantenha a casa limpa. Coloque em ordem aquilo que você sempre deixa pra amanhã. Tenha asseio com você mesmo e com as suas coisas, e lembre-se, tempo é algo que não falta.

  1. Cuidado com a Internet

Ficar preso nas redes sociais também é algo que deve-se atentar. A internet ajuda e muito quando o assunto é sociabilizar, ver memes e rir, notícias e infelizmente se desinformar. Cuidado com correntes, com desinformação e principalmente com as fake news.

  1. Faça uma Leitura

A leitura é primordial para manter uma mente saudável. Você já ouviu falar que pessoas que são geniais têm o costume de sempre ter um livro no criado mudo, então, é verdade! Leia um livro, ou vários. Resuma-os, inspire-se. Deixe de ser uma pessoa passiva com relação à informação e seja ativa na leitura, seu cérebro agradece.

  1. Transforme os Momentos e Pratique atividades

Ficar com a família em casa, pode inicialmente ser agradável. Mas depois de muitos dias com a mesma rotina e com a casa cheia, o estresse de cada um começa a interferir no outro. Sendo assim, transforme as discussões em momentos agradáveis. Se reúnam, pratiquem atividades e brincadeiras juntos. Façam atividades físicas junto com alongamento e yoga, treinem respiração e paciência.

  1. Utilize da Gratidão e a Resiliência

Apesar do isolamento ser difícil, alguma coisa podemos aprender juntos. Ser resiliente e se adaptar aos processos naturais da vida é importante. A mudança ocorre de dentro pra fora, mas o mundo exterior também se transforma e cabe a nós nos adaptarmos e a gratidão também entra nessa jogada.

Transformação interna

Puxando esse último tópico acima onde surgem as palavras gratidão e resiliência, é importante salientar que se não houvessem essas palavras no passado, não estaríamos aqui hoje. Se não fossemos resilientes, não estaríamos aptos ao processo evolutivo e por fim pereceríamos.

Se não houvesse gratidão, pelo menos por parte de alguns indivíduos, viveríamos em guerra sem ninguém ceder de nenhum lado. Por isso, transformar internamente quem somos é extremamente importante para nos aprimorarmos diariamente e nos transformarmos em pessoas melhores. E você, achou que a matéria dicas para controlar a ansiedade durante o isolamento social importante?

Precisando de Ajuda ? Atendimento 24 horas (11) 941595453

Esta Pandemia vem causando uma serie de transtornos comportamentais veja aqui Dicas para controlar a ansiedade durante o isolamento social. Fale conosco!

Compare listings

Comparar