Resgate 24 horas em todo território nacional. +55 44 99155-7195

Misturar drogas faz mal?

misturar drogas faz mau

Misturar drogas faz mal, contudo, muitas pessoas insistem em o fazer mesmo assim e não tem ideia das consequências que podem ser obtidas com essa prática.

Dessa forma, devido ao pensamento de que “tudo são drogas”, muitos acabam sofrendo problemas graves, e até em muitos casos, irreversíveis.

Por fim, a seguir, veremos o que envolve essa prática, efeitos colaterais e suas consequências.

Para quê misturas drogas?

As pessoas às vezes misturam substâncias por vários motivos. Eles podem estar tomando vários medicamentos prescritos por um médico, mas podem usar uma dose maior ou mais frequente do que a medicação recomenda.

Eles podem usar uma droga ilegal e depois usar outras drogas depois que a primeira droga diminuir suas inibições.

Ou, eles podem simplesmente querer experimentar drogas diferentes para ver o que acontece.

Mas, independentemente de o motivo da pessoa misturar várias substâncias, as consequências de fazê-lo podem ser fatais.

Por fim, muitas pessoas não percebem que a combinação de várias substâncias multiplica os perigos do abuso de substâncias, mas o fato é que misturar drogas faz mal e pode causar problemas sérios e negativos.

Efeitos colaterais do abuso de várias substâncias

Quando alguém mistura duas ou mais substâncias, pode experimentar muitos problemas diferentes.

Nesse sentido, alguns efeitos colaterais comuns de substâncias individuais incluem alterações nas seguintes áreas:

  • Frequência cardíaca;
  • Pressão arterial;
  • Respirando;
  • Apetite e digestão;
  • Prontidão;
  • Humor;
  • Memória.

Esses efeitos podem variar de leves a graves, mas geralmente se intensificam quando as pessoas usam várias substâncias ao mesmo tempo.

Por exemplo, os efeitos relaxantes do álcool aumentam quando as pessoas o consomem junto com um sedativo prescrito. Além disso, os estimulantes podem aumentar a frequência cardíaca de uma pessoa a níveis perigosos quando combinados.

O problema com esses sintomas é que eles são imprevisíveis, e ainda mais quando as pessoas usam várias substâncias ao mesmo tempo.

Além disso, os usuários podem ter reações diferentes às mesmas substâncias cada vez que usam.

Assim, só porque alguém teve uma experiência positiva no passado usando duas ou mais substâncias juntas não garante que sua próxima experiência será a mesma.

Pelo contrário, quanto mais frequentemente as pessoas combinam substâncias, mais provável é que causem danos a longo prazo à sua saúde mental e física.

Desse modo, o maior perigo de combinar duas ou mais substâncias é o aumento do risco de overdose e morte.

Esses problemas podem ocorrer a partir de qualquer combinação de abuso de substâncias, mas as chances aumentam quando as pessoas misturam medicamentos prescritos, drogas ilegais e/ou grandes quantidades de álcool.

Embora algumas pessoas possam pensar que os medicamentos prescritos são seguros de usar porque são regulamentados pelo governo, a verdade é que eles podem ser devastadores quando abusados, o que significa que são usados ​​fora das recomendações de um médico. 

Por fim, os medicamentos opioides levam a mais mortes por overdose do que todas as outras drogas combinadas, incluindo heroína e cocaína.

Os perigos de combinar drogas

Misturar drogas faz mal é um fato, mas os riscos do uso de polidrogas dependem dos tipos e quantidades de drogas misturadas.

Assim, a combinação de drogas amplifica os efeitos prazerosos e negativos. A mistura de estimulantes, como ecstasy e cocaína, pode aumentar o nível do usuário, mas também o risco de ataque cardíaco.

O maior risco de uso de polidrogas é a “intoxicação combinada de drogas”. A intoxicação medicamentosa combinada é uma causa comum de atendimentos de emergência e tem ceifado a vida de inúmeros indivíduos. O maior risco de intoxicação por drogas combinadas é a morte.

Sendo assim, alguns dos efeitos colaterais da combinação de drogas incluem:

  • Dano cerebral;
  • Coma;
  • Problemas cardíacos;
  • Convulsões;
  • Sangramento do estômago;
  • Danos e insuficiência hepática;
  • Insolação;
  • Respiração suprimida;
  • Parada respiratória.

A mistura de drogas esgota severamente as substâncias químicas calmantes e de bem-estar do cérebro. Isso pode desencadear problemas comportamentais, como depressão e ansiedade.

Se você tem um problema de polidrogas e sofre de um distúrbio de saúde mental como a depressão, precisa de um tratamento que aborde os dois problemas ao mesmo tempo. Saiba mais sobre o diagnóstico duplo agora.

Como se livrar do vício das drogas?

Apenas saber que misturar drogas faz mal não é o necessário, onde o principal fator é se livrar de vez dessa dependência.

E, a melhor alternativa para se livrar de vez da dependência das drogas, e ter de volta qualidade de vida, será através de clínicas de reabilitação.

Até porque, lá será o local onde profissionais especializados, como médicos, terapeutas, e dentre outros, poderão avaliar e indicar o melhor tratamento contra a dependência química.

Ou seja, tudo apropriado para evitar que o dependente venha a sofrer com os inúmeros problemas que podem ser causados pelas drogas.

Entre em contato conosco do Grupo Encontre Clínicas e tenha acesso a melhor unidade mais próxima de você, para garantir um tratamento de qualidade e profissional.

Estamos ansiosos para te atender!

(44) 31382122

(11) 96262-2008

Descubra como nossos consultores podem ajudar você ou seu ente querido a melhor melhor maneira para deixar o vício, conheça tratamento em uma clinica de recuperação para dependentes . A avaliação por telefone exigirá apenas 5 a 10 minutos do seu tempo. Isso ajudará você a saber sua posição em termos de opções de reabilitação em sua área local. Saiba mais

paulo esidio

Sou diretor de marketing do Grupo Encontre Clínicas e terapeuta a mais de 15 anos com especialidade em dependência química e alcoólica e outros transtornos, trabalho com direcionamento e encaminhamento para tratamento em clínicas de recuperação em todo Brasil. Precisando de Ajuda estou a disposição (11) 94159-5453.

Compare listings

Comparar